textochamada



segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

URBANISTA MORA EM BAIRRO AMBIENTAL/URBANO


URBANISTA MORA EM BAIRRO AMBIENTAL/URBANO
Os procedimentos adotados no planejamento urbano brasileiro exigem a participação da comunidade. Na elaboração e aprovação dos planos urbanos para bairros, cidades e metrópoles, ou estados e no próprio país, é necessário dispor de procedimentos para que a opinião de habitantes e interessados seja ouvida. O entendimento é que o sucesso dos planos e sua implantação dependerá sempre da qualidade do gestor público e da participação da comunidade.

Como morador de área urbano-ambiental, na periferia do Plano Piloto, tenho participado dos debates entre os moradores do bairro, tanto em redes sociais como em reuniões presenciais. Aos 25 mil habitantes do SMPW cabe definir o bairro que querem ter; as formas, usos e funções que devem ser permitidas, incentivadas ou proibidas, em área de 79 km2 parcialmente inserida na ZVA/APA Gama – Cabeça do Veado.

Fazer urbanismo na escala de um bairro é experiência nova para quem começou seu treinamento urbanístico no Governo Leonel Brizola, quando Suely Gonzáles coordenou o levantamento sobre as condições de favelas em cidades gauchas.

Desde de então (1962) transitei entre a teoria acadêmica e a gestão pública, trabalhando em várias universidades bem como em empresas e instituições de planejamento e de atividades setoriais - nas escalas municipal, metropolitana, microrregional e nacional, no Brasil e no Exterior.

Como morador do bairro SMPW participo de reuniões e leio os quase sempre acalorados debates em diferentes grupos de redes sociais. Como urbanista me sinto na obrigação de colaborar e é por isso que redigi documento preliminar com diretrizes que consolidam pontos de vista e tratam de questões ora sendo debatidas. Os temas foram organizadas de forma a facilitar a leitura, criticas e sugestões de moradores do bairro, bem como para atender às normas legais ora em discussão. O documento estará disponível em www.jorgefrancisconi.com.br a partir de 13 de dezembro próximo.

Desde agora até meados de janeiro estarei viajando e deixo aos amigos e leitores um enorme abraço – com votos de Boas Festas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Jorge Francisconi - 2015 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo